Artilheiro na base, Eron é opção do Vitória contra o Paraná

Aos 20 anos, Eron nunca vestiu a camisa profissional do Vitória, mas pode ter a primeira oportunidade no confronto de domingo (4), às 16h, contra o Paraná, na Vila Capanema, em Curitiba. Artilheiro do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, com nove gols, ele ganhou espaço no grupo principal. Eron é um dos 22 jogadores relacionados pelo técnico Paulo Cézar Carpegiani para o jogo da 32ª rodada da Série A.

Eron irá para Curitiba com a delegação, enquanto os também atacantes Wallyson e Bou ficarão em Salvador por opção de Carpegiani. Em fase de transição após se recuperar de contusão, André Lima está fora, assim como Luan. Revelação da base rubro-negra como Eron, o atacante seria titular contra o Paraná, mas sentiu um incômodo na coxa no treino desta sexta-feira (2) e foi vetado pelo departamento médico.

Diante do Paraná, a lateral direita pode ser comandada por um prata da casa. Cedric é a única opção caso o treinador não queira improvisar, já que Jeferson está machucado.

Relacionado pelo comandante rubro-negro pela terceira vez, ele foi titular na derrota por 4×3 para o Botafogo, no Barradão, no dia 23 de setembro. Na estreia de Carpegiani, com derrota por 3×0 para o Palmeiras, também em casa, Cedric ficou no banco, mas não foi utilizado.

Outra novidade entre os relacionados para enfrentar o Paraná é o zagueiro Léo Xavier, convocado por Carpegiani pela primeira vez. Também revelado na base, o titular Lucas Ribeiro está suspenso.

Aderllan e Ramon devem compor a dupla de zaga. Assim como Ruan Renato, Léo Xavier ficaria como opção entre os reservas.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: