Aumenta para 5 o número de casos suspeitos de Coronavírus no Espírito Santo

A Secretaria Estadual da Saúde do Espírito Santo (Sesa-ES) recebeu, por meio do Centro de Operações Estratégicas (COE), a notificação de mais quatro casos suspeitos de Codiv-19 (novo Coronavírus) no estado, aumentado para cinco o número de casos suspeitos. A divulgação dos casos foi feita na tarde desta sexta-feira (28).

Os casos só são oficialmente reconhecidos como suspeitos após confirmação do Ministério da Saúde, o que ainda não ocorreu nesta situação.

Além do caso do rapaz de 25 anos da cidade de Aracruz, no Norte do Espírito Santo, que apresentou febre, coriza e mialgia após viagem a Singapura e está em investigação no Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz), no Rio de Janeiro, outros quatro já foram analisados e serão remetidos para a Fiocruz.

Os quatro novos casos suspeitos já foram analisados pelo Laboratório Central do Espírito Santo (Lacen-ES) e foi descartado para influenza A e B e para o vírus sincicial respiratório.

As cinco notificações são das regiões Central e Norte, além da Grande Vitória. Todos os pacientes apresentam quadro de febre e histórico de viagem recente a um dos países relacionados nos critérios do Ministério da Saúde para definição de caso suspeito para o Codiv-19.

Não há mais detalhes sobre os casos.

Segundo o coordenador do COE, Luiz Carlos Reblin, todos os pacientes apresentam quadros leves, sendo recomendado o isolamento domiciliar.

Critérios para definição de casos suspeitos
O coordenador do COE, Luiz Carlos Reblin, lembra que para se tornar caso suspeito, o cidadão tem que apresentar sintomas dentro dos critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde: febre e sintoma gripal, como tosse ou falta de ar, e virem da Alemanha, Austrália, Emirados Árabes, Filipinas, França, Irã, Itália, Malásia, Japão, Singapura, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Tailândia, Vietnã, Camboja e China.

Após o Lacen-ES descartar as amostras coletadas para influenza A e B e para o vírus sincicial respiratório, o material é encaminhado para a Fiocruz, que é o laboratório de referência determinado pelo Plano Contingência para o Covid-19. O resultado deve ser divulgado em até sete dias.

Deixe uma resposta


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/brasilno/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757