Avanço do Coronavírus no País muda rotina do Congresso

Uma pilha de panfletos sobre o “Dia Mundial do Rim”, celebrado nesta quinta-feira, 12 de março, aguardava interessados na entrada do corredor da Câmara dos Deputados. Funcionárias tentavam, sem sucesso, distribuir os papéis a quem passava pelo local. Difícil. Não há um servidor, deputado ou senador interessado em informações sobre dosagens de creatinina para avaliar os rins. Só se fala em coronavírus.

No Senado, enquanto algumas audiências esvaziadas tentavam avançar em pautas agendadas, funcionários instalavam equipamentos de álcool gel nas paredes no corredor e dentro de cada um dos plenários.

Nos corredores acarpetados e de janelas fechados do Congresso, o clima é de tensão. Muitas pessoas circulam com máscaras. Basta uma tosse ou espirro para todos se entreolharem, algumas vezes com humor, em outras, com tensão.

Funcionários falam sobre supostos casos suspeitos entre os servidores, mas não há qualquer confirmação até o momento. No departamento médico da Câmara, muitas pessoas com máscaras buscam informações sobre exames.

Deputados também estiveram mais cedo no departamento médico em busca de requerimentos para realização do exame. Entre estes parlamentares está Daniel Freitas (PSL-SC), que participou da comitiva do Bolsonaro aos Estados Unidos.

Até mesmo o café está cortado. A Comissão de Agricultura da Câmara suspendeu a cortesia de cafezinho, como medida para evitar a disseminação do vírus. A sede do colegiado, frequentada por parlamentares, servidores e visitantes do Congresso durante todo o dia, é reconhecida por servir rótulos de diversas regiões do País, serviço de cortesia do suco de soja também foi suspenso. A permanência na antessala da comissão será autorizada apenas para quem tem reunião no local.

O clima de esvaziamento foi reforçado com a restrição de visitas pública. Uma cópia da portaria editada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia, foi impressa em folhas grandes e colada na porta de entrada do Congresso. Seguranças reforçam o controle do acesso.

Para que o dia do “Dia Mundial do Rim” não fosse absolutamente contaminado pelo novo coronavírus, convidados marcaram ponto numa sessão solene sobre o assunto, com plenário cheio. A atenção, porém, era outra. Não demorou muito, e o plenário já estava esvaziado novamente.

Deixe uma resposta


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/brasilno/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757