BRT Transbrasil tem previsão de inauguração em maio, com três anos de atraso

A obra do BRT Transbrasil começou em 2014 e deveria estar pronta há mais de três anos. A última previsão de inauguração é para maio. Dois mais de dois mil funcionários, restam 239 trabalhando. Enquanto isso, os motoristas enfrentam problemas para passar pela Avenida Brasil. São blocos de concreto desalinhados, bandalhas e canteiros de obras parados.

A previsão é que o BRT Transbrasil tenha 15 passarelas e 28 estações ao longo de 30 quilômetros de extensão, ligando o Centro a Deodoro, na Zona Oeste do Rio.

“Eu fui funcionário da Transbrasil durante um ano, a obra hoje, no momento, encontra-se parada por falta de verbas, segundo a empresa que demitiu a gente”, contou um ex-funcionário, que preferiu não se identificar.

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Construção Pesada do Rio de Janeiro afirmou que, em dezembro, 1,3 mil funcionários entraram em férias coletivas por causa de uma dívida da prefeitura de mais de R$ 138 milhões com o consórcio formado pelas construtoras Odebrecht, Queiroz Galvão e OAS.

Ainda de acordo com o sindicato, em janeiro boa parte dos funcionários entrou em aviso prévio.

A Prefeitura do Rio afirmou que o pagamento da Transbrasil foi feito na última semana de fevereiro. E confirma a conclusão da obra para maio deste ano. Sobre as possíveis demissões, o poder municipal afirmou que é uma questão entre o consórcio e seus funcionários.

A TV Globo entrou em contato com o consórcio, mas até 7h20 não obteve resposta.

Desordem

Percorrendo o caminho das obras, é possível observar a desordem na Avenida Brasil. No meio das várias barreiras que desviam o trânsito, foi possível encontrar um grupo de operários na altura da passarela 28, na última sexta-feira (6).

Em outros trechos, ficaram apenas as marcas da obra.

“É muito engarrafamento, aqui em Barros Filho é um problema. Lá no Caju é outro problema”, afirmou o assistente administrativo Gilberto Pereira.

Deixe uma resposta


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/brasilno/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757