Bruno Gomes recebe proposta e deixa Vitória antes de estrear

O atacante Bruno Gomes, contratado no intervalo da Copa do Mundo para reforçar o Vitória, deixou a Toca do Leão. O jogador não fez nenhum jogo com a camisa rubro-negra e foi devolvido ao seu clube de origem, o Estoril, de Portugal.

Aos 21 anos, o jogador não foi utilizado por nenhum dos três técnicos que estiveram à frente do comando do Vitória desde a sua chegada: Vagner Mancini, João Burse e Paulo Cézar Carpegiani.

O desligamento foi informado pelo próprio clube, nesta quarta-feira (29). “O atacante Bruno Gomes não faz mais parte do elenco rubro-negro. Seu clube de origem, Estoril, de Portugal, solicitou a devolução do atleta, que tinha uma cláusula que poderia retornar ao seu clube de origem, caso não estivesse sendo utilizado. A rescisão foi feita em comum acordo e não teve nenhum ônus ao Vitória. Vale salientar que o Estoril arcava com mais de 50% do salário do atleta e o Rubro-Negro não teve nenhum custo na sua vinda. O Esporte Clube Vitória agradece e deseja boa sorte ao jogador”.

AO CORREIO, o presidente Ricardo David esclareceu a situação. “O Estoril entrou em contato conosco e informou que o jogador recebeu uma proposta. Como ele não vinha sendo utilizado, nós aceitamos devolvê-lo”, disse.

Bruno Gomes deve ser emprestado a outro clube do futebol português.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: