Cabral se cala em audiência sobre desvios nos transportes

O ex-governador do Rio Sérgio Cabral (MDB) preferiu permanecer em silêncio durante interrogatório na 7ª Vara Federal Criminal nesta sexta-feira (14). “Vou optar por me manter em silêncio”, foram as únicaspalavras do político no interrogatório.

Conduzida pelo juiz Marcelo Bretas, a audiência é resultado da Operação Ponto Final, desdobramento da Lava Jato no Estado.

Denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) afirma que organização criminosa liderada por Cabral recebeu R$ 145 milhões em esquema envolvendo o setor de transportes, entre 2010 e 2016.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: