Casal é executado dentro de casa em Pau da Lima; vizinho também morre

Um segurança foi morto na madrugada desta quinta-feira (30) depois de ter presenciado a morte dos vizinhos. Luiz Carlos Rosário da Silva, 43 anos, foi assassinado na sala de casa, por volta das 3h, na Travessa Talismã, que fica em uma localidade conhecida como Portelinha, no bairro do Pau da Lima, em Salvador.

De acordo com familiares da vítima, como de costume, o vigilante teria acordado e saído para a rua carregando consigo uma gaiola onde estava o pássaro de estimação da espécie papa-capim. A duas casas dali, o casal Ana Paula Sousa Cardoso, 36, e Danilo Almeida Silva, 22, tinha a sua casa invadida por homens armados.

O segurança Luiz Carlos Rosário da Silva, 43, foi morto depois de ter presenciado a morte dos vizinhos (Foto: Nilson Marinho/CORREIO)

Ainda de acordo com familiares, o vigilante estaria passando próximo à residência do casal, quando os homens o avistaram. O imóvel do segurança também foi arrombado pelos criminosos. Peritos do Instituto Médico Legal Nina Rodrigues (IMLNR), por volta das 10h, encontraram a gaiola carregada pela vítima jogada na rua.

Ao entrar na casa, encontraram o animal morto próximo ao corpo do dono. Luiz foi encontrado pela polícia, por volta das 5h, com ferimentos feitos por uma arma de calibre 12 na região do pescoço e cabeça. Ele estava sentado no sofá de casa quando foi morto. Não há informações sobre a dinâmica do crime.

PM
Segundo a Polícia Militar, policiais da 50ª Companhia Indepentente (CIPM/Sete de Abril) foram acionados pelo Centro Integrado de Comunicações (Cicom) da Secretaria da Segurança Pública para atender a uma ocorrência de triplo homicídio no bairro.

“No local, a guarnição constatou o fato, havia três corpos, sendo dois homens e uma mulher mortos por disparos de arma de fogo. A guarnição isolou a área e acionou o Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc) para remoção dos corpos e a realização da perícia”, afirmou a PM, em nota.

Casal
A casa de três andares onde o casal foi morto fica a cerca de 100 metros da do segurança. Embora morassem bem próximos, segundo a família, Luiz não era amigo dos dois. Danilo e Ana Paula teriam se mudado para o local há pouco mais de um mês, enquanto Luiz morava há oito meses – Danilo havia sido contratado recentemente para trabalhar em uma casa de construções.

O corpo de Danilo foi encontrado no chão do quarto do casal com quatro perfurações feitas por balas de uma arma 9 mm. Já o corpo de Ana Paula foi localizado na cama do casal com quatro perfurações na cabeça.

Danilo Almeida Silva, 22 anos, e Ana Paula Cardoso, 36, foram mortos (Foto: Reprodução/Nilson Marinho/CORREIO)

Familiares
Luiz morava na companhia da mulher que, no momento do crime, não estava em casa. Ela é doméstica e só costuma dormir em casa a cada 15 dias, quando recebe folga dos patrões que moram no bairro da Pituba.

A vítima foi morta perto de brinquedos infantis que estavam espalhados pelo sofá. Eles seriam da neta da sua esposa, que costuma dormir no local. A nora de Luiz conta que ela e a criança, de apenas 4 anos, resolveram fazer diferente na noite anterior ao crime.

“Foi por obra do destino a gente não ter dormido. Ontem (quarta) resolvi dormir em casa com a minha filha. Ele (Luiz) era uma boa pessoa e não devia nada a ninguém”, conta a nora, que preferiu não se identificar.

Ela conta ainda que o segurança sempre saía de casa nas primeiras horas da manhã. “Todos os dias. Era costume por causa do trabalho”, explica. A cunhada Lídia Cristina, 38, diz não entender o motivo do crime. “Quando é um bandido, a gente até espera que algo como isso possa acontecer, mas um homem de bem que não deve nada a ninguém…”, comentou.

Os corpos das três vítimas foram removidos do local por volta das 11h20 desta quinta-feira (30) e encaminhados para o IMLNR, onde devem ser liberados logo após o reconhecimento dos familiares. A Polícia Civil informou que o caso será investigado pelo Departamento de Homícidios e Proteção à Pessoa (DHPP).

*Com a supervisão do chefe de reportagem Jorge Gauthier.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: