Com dores no joelho direito, Daniel Alves fará exames nesta quarta e preocupa

A 37 dias da Copa do Mundo, Daniel Alves preocupou a torcida brasileira nesta terça-feira. Com um incômodo no joelho, ele deixou o campo na segunda etapa da vitória por 2 a 0 do PSG sobre o Les Herbiers, pela final da Copa da França. Embora tenha participado da festa do título, o lateral passará por exames nesta quarta-feira, às 9h (de Brasília), início da tarde em Paris, para saber a gravidade da lesão. Pessoas próximas do jogador temem um possível problema que ameaçaria sua participação na Copa do Mundo.

O pessimismo se dá com o curto tempo de recuperação até o início do Mundial. Em contato com a reportagem do GloboEsporte.com, a CBF informou que vai esperar o resultado dos exames para avaliar a situação de Daniel. A comissão técnica disse não ter sido informada sobre o problema do atleta e que o combinado era entrar em contato com o jogador e os médicos do PSG nesta quarta. O clube francês ainda não se manifestou.

Daniel Alves recebe atendimento no gramado ao sentir incômodo no joelho (Foto: Damien Meyer/AFP)

Após a partida, no entanto, o zagueiro Marquinhos afirmou que viu o companheiro andando normalmente e, aparentemente, sem dor.

– Vi caminhando bem, o vi normal, não perguntei, até porque estávamos na euforia do título. Quando a gente descansar um pouco, sentar, vamos ver como ele está, mas eu o vi caminhando bem – declarou o defensor, em entrevista à “Fox Sports” depois da conquista do título.

O goleiro Trapp afirmou que presenciou o lateral reclamando de dores no vestiário.

– Honestamente, eu nem sabia. No vestiário, eu vi que ele falou alguma coisa, mas eu não sei, é difícil para mim falar. Eu entendi que ele estava com um pouco de dores, mas não sei o que aconteceu – disse o alemão, em entrevista na zona mista após o jogo.

 (Foto: Yoan Valat/EFE)

Daniel Alves precisou ser substituído aos 36 minutos do segundo tempo. Com um incômodo no joelho direito, ele foi para o banco de reservas e passou por tratamento com gelo. Após o fim da partida, o lateral recebeu a medalha e participou da festa do título do PSG normalmente.

O lateral do PSG é um dos 18 confirmados da Seleção na Copa do Mundo. Para a reserva de Daniel, dois nomes estão na pauta de Tite: Fagner, do Corinthians, e Danilo, do Manchester City.

A conquista da Copa da França foi o 38º título da carreira de Daniel Alves, que o faz ser o atleta mais vitorioso da história (clique aqui e confira a contagem, que ainda não considerava o Campeonato Francês e a Copa da França).

Campeão francês, da Copa da Liga e da Copa da França, o PSG tem mais duas partidas na temporada: contra o Rennes, neste sábado, e diante do Caen, no dia 19. Os dois jogos são pelo Campeonato Francês.

Deixe uma resposta