Conselheiros do Vitória promovem renúncia coletiva

Um grupo de conselheiros do Vitória anunciou hoje (10) a renúncia coletiva dos cargos no Conselho Deliberativo do clube. Em carta, os membros do colegiado reclamaram da demora do julgamento envolvendo a gestão passada da diretoria do clube, que foi acusada de “temerária”.

O documento, encaminhado ao presidente do órgão, Paulo Catharino, aponta ainda o clima conturbado vivido pelo grupo. “Portanto, Indubitavelmente, a espera de atitudes que engrandeceriam a composição desse atual Conselho Deliberativo foi, efetivamente, em vão”, declaram os 22 conselheiros.

Entre os membros que assinaram o documento estão o secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota, o ex-presidente do clube Jorginho Sampaio, e o ex-diretor da Defesa Civil de Salvador, Gustavo Ferraz. “Tanto sim, que estes Conselheiros, desde que denunciaram as primeiras irregularidades na administração do Clube, vêm sendo tratados, de forma hostil, e rotulados de integrantes de ‘Oposição’ por aqueloutros que, por consequência lógica, só podem ser rotulados e tratados como integrantes da ‘Situação'”, diz o texto.

Deixe uma resposta