Corpo de menina de 10 anos encontrada morta em Belford Roxo estava sem calcinha

A menina Hele, encontrada morta com sinais de violência sexual

O corpo de Helen Conceição da Silva Barbosa, de 10 anos, foi encontrado sem short e calcinha, segundo o pai da criança, José Marcelo Barbosa, de 36 anos. De acordo com ele, a criança dormiu em casa na sexta-feira, mas foi raptada ainda de madrugada. Seu corpo foi localizado com sinais de estupro por volta das 16h do dia seguinte na Rua Gilberto, na comunidade Teodoro, do bairro Itaipu, em Belford Roxo.

— Eu estou arrasado. Foi como se tivessem tirado um pedaço de mim — diz o pai da menina.

Dos quatro irmãos, Helen era a mais velha. A família vive numa casa sem fechadura. No lugar da janela, há um pano para tentar aplacar a luz do dia. Marcelo trabalha como camelô e há dois anos vive no imóvel.

— Eu estava tentando comprar uma janela, mas não deu tempo — diz, chorando: — No dia que ela sumiu, fomos para Nova Iguaçu. Ficamos a tarde toda lá. Chegamos em casa por volta das 18h. Ela estava feliz. Eu comprei picolé para ela. De noite, minha mulher me acordou às 2h25 dando falta da minha filha. Só no outro dia achamos. Ela estava sem o short e a calcinha. Só com a blusinha preta que vestia e o cobertor que usava. Abusaram da minha filha.

Pessoas que conheceram a menina a descrevem como uma criança “fofa” e lamentam a perda. Pelas redes sociais, uma ex-professora da criança fez um desabafo.

“Uma menina sempre feliz e muito carinhosa, mesmo com todas as dificuldades que passava. Ainda não consigo acreditar nessa tragédia! Ela foi minha aluna no 3º ano, uma criança sempre ativa e ao mesmo tempo muito carinhosa, adorava abraçar todos os dias quando chegava pela manhã. Não tenho nem palavras para descrever o quanto essa notícia dói. Agora, Helen descansa nos braços do Pai. Mais um anjinho para brilhar no céu”, escreveu.

%d blogueiros gostam disto: