Empresa não cumpre exigências e prefeitura de Salvador revoga compra de 40 respiradores

A prefeitura de Salvador desistiu de formalizar a contratação de 40 respiradores que seriam fornecidos pela empresa PSA Distribuidora de Produtos Médicos Hospitalares LTDA. A informação foi divulgada nesta terça-feira (16) ao Bahia Notícias através da assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Segundo a pasta, a revogação ocorreu “devido à empresa não atender às exigências contidas no edital”. Desta forma, segundo a SMS, não houve o pagamento do valor de R$ 6,32 milhões previstos. A informação da contratação, via dispensa de licitação, saiu no diário oficial da última terça (9).

A decisão deve ser divulgada nesta semana pela prefeitura municipal. A SMS também não indicou se a gestão da capital baiana vai procurar outras empresas para adquirir os respiradores pulmonares.

Compartilhe essa notícia
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Deixe uma resposta