Novo visual do Chrome será lançado em setembro; conheça as novidades

O lançamento do Chrome 69 está marcado para 4 de setembro pelo Google. Essa versão do navegador que irá estrear um novo visual e trazer mais funções para desktop e celular. O design do programa ficará mais limpo e com cantos arredondados, entre outras mudanças provenientes da atualização mais recente do Material Design. Boa parte das mudanças de design já estão disponíveis atualmente no Chrome 68, mas requerem ativação manual.

O update também irá aprimorar o preenchimento automático de senhas e melhorar as notificações no Windows 10, além de diminuir ainda mais a presença do Flash. Veja os detalhes sobre as novidades no Chrome a seguir.

O Chrome ficará mais moderno. O que mais chama a atenção são os cantos arredondados na barra de endereços e nas abas. Além disso, as guias contam com separadores mais discretos, além de um novo botão para abrir nova aba no canto esquerdo. Há também novas animações de clique, com sombreados herdados do Material Design no Android.

Por outro lado, no celular, o The Verge aponta que o Chrome deve reservar a maior parte das mudanças para o iPhone (iOS). A principal novidade será a transferência da barra de navegação para o rodapé, facilitando a usabilidade do navegador em celulares com tela grande.

Windows
No computador, o Chrome 69 irá se integrar de vez com o sistema de notificações do Windows 10. Com a mudança, os alertas do navegador passarão a chegar na Central de Ações do sistema operacional, o painel à direita em que ficam os atalhos para Bluetooth e modo avião. O programa do Google também oferecerá novos gestos de navegação com o touchpad em notebooks equipados com Windows 10.

Flash
Seguindo o calendário de eliminação gradual do Flash, o Chrome 69 promove mais uma medida para evitar o uso do plugin. Com a nova atualização, todas as permissões dadas ao software da Adobe serão revogadas a cada reinicialização do navegador. Com isso, a esperança é que se torne mais difícil para o usuário acessar sites que exijam a tecnologia para rodar vídeos e animações. Um levantamento do Google aponta que já caiu para 8% o número de usuários que abrem sites com Flash todos os dias. Em 2014, o número era 80%.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: