Paraná vence e coloca América-MG na zona de rebaixamento

O Paraná venceu o América-MG por 1 a 0 na tarde deste domingo (22), pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Rodolfo fez o único gol da partida disputada no estádio Durival Britto, em Curitiba.

Com o resultado, a equipe de Curitiba fica na 18ª posição do Brasileirão, com 13 pontos conquistados. O Coelho, por sua vez, fica na 17ª colocação, com 14. Na próxima rodada, o Paraná vai a Belo Horizonte para enfrentar o Atlético-MG no Independência, na quarta-feira. O América-MG recebe o Inter, no mesmo estádio, na quinta.

Silvinho foi o principal nome do jogo ocorrido na tarde deste domingo. Escalado como segundo homem de ataque, ele flutuou no setor e criou as principais chances de perigo do Paraná. O atleta, inclusive, deu início à jogada do gol marcado por Rodolfo. Ele cruzou para Caio Henrique desviar e Rodolfo estufar a rede.

Autor do único gol do América no revés para o Cruzeiro, o volante Christian deixou o estádio Durival Britto, em Curitiba (PR), para a vaga de Ademir. O meio-campista não fez boa partida e deu muitas brechas para os homens de criação do Paraná na ocasião.

Um erro de posicionamento de Aderlan deixou Rodolfo em condição legal para marcar o gol do Paraná. Silvinho cruzou na segunda trave e Caio Henrique chutou firme. A bola foi na direção da pequena área e Rodolfo apenas empurrou para o fundo da rede. No lance, o meia-atacante estava em posição regular graças à localização do lateral direito do América.

Com dificuldades na criação, o América-MG ficou refém das jogadas de Marquinhos e Wesley no meio de campo. A dupla, inclusive, perdeu as duas melhores chances de balançar a rede. O meia-atacante que veste a 7 tentou bicicleta em lançamento de Leandro Donizete, mas falhou no lance. Depois, ele deu o passe para Wesley, mas o camisa 10 não efetuou o domínio e entregou a posse para o goleiro Thiago Rodrigues.

Uma escolha equivocada no jogo contra o Cruzeiro foi repetida na tarde deste domingo (22) diante do Paraná. O técnico Ricardo Drubscky escalou quatro volantes em campo -Leandro Donizete, Juninho, Christian e Wesley- e viu seu time ficar em dívida na criação de jogadas. Ele repetiu a forma de atuar e precisou fazer uma alteração ainda no primeiro tempo. Christian foi substituído por Ademir aos 36 minutos.

O Paraná demonstrou repertório ofensivo variado na vitória sobre o América-MG. Os comandados de Rogério Micale tentaram jogadas de vários tipos no decorrer do confronto ocorrido na tarde deste domingo. Silvinho caiu pelos lados e buscou jogadas aéreas -uma delas resultou em gol-, Caio Henrique e Nadson buscaram finalizações de longa distância e levaram muito perigo ao gol de João Ricardo.

Logo no início do segundo tempo, João Ricardo chamou a atenção dos espectadores ao fazer duas defesas consideradas difíceis. O goleiro rebateu chutes de Nadson e Caio Henrique, ambos em curta distância, e evitou que o mandante estufasse a rede.

PARANÁ

Thiago Rodrigues; Júnior Gomes, Cléber, Igor Cariús e Mansur; Leandro Vilela, Caio Henrique, Silvinho (Torito González), Nadson (Alex Santana) e Rodolfo (Léo Itaperuna); Carlos.

T.: Rogério Micale.

AMÉRICA-MG

João Ricardo; Aderlan, Matheus Ferraz, Messias e Giovanni; Leandro Donizete, Juninho, Christian (Ademir), Wesley (Gerson Magrão) e Marquinhos (Ruy); Rafael Moura.

T.: Ricardo Drubscky.Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)

Cartão amarelo: Mansur, Leandro Vilela, Alex Santana (Paraná); Ademir, Aderlan, Gerson Magrão (América-MG)

Gol: Rodolfo (PAR), aos 15min do primeiro tempo. Com informações da Folhapress.

Deixe uma resposta