PGR pede inclusão da delação de Funaro em investigação sobre Temer

A Procuradoria Geral da República solicitou hoje (15) que o Supremo Tribunal Federal inclua a delação do doleiro Lúcio Funaro no inquérito que investiga se um decreto do presidente Michel Temer foi editado para beneficiar empresas portuárias.

O ministro Luís Roberto Barroso, relator do inquérito, será o responsável por analisar o pedido. Se aceito, as declarações de Funaro vão ser verificadas para confirmar ou não as suspeitas do favorecimento por parte de Temer, que nega as acusações.

A delação também pode se tornar elemento para fundamentar eventual denúncia da PGR contra o presidente.

O inquérito está em fase de apuração de provas e checagem de informações. O prazo final para que Polícia Federal elabore um relatório, ou solicite um novo prazo, é até o começo de julho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *