Salvador ganha Parque Municipal Marinho; equipamento é pioneiro no país

O prefeito ACM Neto (DEM) assinou na manhã deste sábado (13) um decreto municipal criando o Parque Municipal Marinho da Barra. Situado na entrada da Baía de Todos-os-Santos, o equipamento previsto no novo Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) fica instalado entre os fortes Santa Maria e Santo Antônio (Farol da Barra), em uma área da equivalente a 701.799,48 m².

O decreto assinado pelo prefeito prevê a preservação natural e dos resquícios históricos da área englobada pelo parque. Haverá, ainda, o fomento de atividades ligadas ao turismo ecológico, pesquisas científicas e práticas de educação ambiental, em uma iniciativa coordenada pela Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis).

A solenidade de criação do parque marinho foi realizada na frente do Forte Santa Maria, e contou com as presenças do vice-prefeito Bruno Reis (DEM), do secretário de Cidade Sustentável, Inovação e Resiliência, André Fraga (PV), entre outras autoridades que colaboraram com o projeto.

Os próximos passos do projeto serão a implantação de boias que irão demarcar a área do parque e a publicação, no Diário Oficial do Município (DOM), do edital para a eleição dos membros do Conselho Gestor da área de preservação, que terá representantes do poder público e da sociedade civil organizada.

Os conselheiros eleitos irão elaborar o plano de manejo, que estabelecerá as regras para o uso do parque, a exemplo da proibição da pesca predatória e a regulamentação do trânsito de embarcações motorizadas, em parceria com a Marinha. Até 2020, a Prefeitura prevê ainda a implantação de sete parques com características de área protegida e unidade de conservação.

O Parque Municipal Marinho foi criado a partir da legislação federal vigente, e engloba três naufrágios que ocorreram na região da Barra nos séculos XIX e XX: o Bretagne (1903), Germânia (1876) e o Miraldi (1875). O parque foi idealizado por um grupo de moradores da Barra. Sua criação é apoiada pela Prefeitura desde 2016, por meio da Secis.

error: Conteúdo bloqueado
%d blogueiros gostam disto: