Selfie: busca pela foto perfeita já matou 259 pessoas no mundo

Entre 2011 e 2017, um estudo revelou que 259 pessoas já morreram tentaram tirar selfies consideradas perigosas. As causas mais comuns apontadas na pesquisa são afogamento, acidentes de transporte e quedas. Índia é o país que mais registrou mortes causadas por selfie. Estados Unidos Rússia e Paquistão também estão incluídos no levantamento. As informações são do G1.

Uma das vítimas foi Gavin Zimmerman, 19 anos, que, ao tentar um registro na Austrália, em um penhasco, terminou caindo da montanha. Tomer Frankfurter também está entre a lista dos óbitos. Ele sofreu queda de uma altura de 250 metros enquanto registrava uma selfie no Parque Nacional Yosemite, nos Estados Unidos.

Prevenção

Áreas vistas como proibidas foram recomendadas por pesquisadores da Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos um isolamento no local com o objetivo de prevenir as mortes.

Deixe uma resposta