Suspeito da participar de morte de soldado em Salvador é preso e diz que confundiu vítima com integrante de facção rival

Um suspeito de participar da morte do soldado do Exército Fernando da Silveira Guardiano, ocorrida no domingo (8), no bairro do Cabula, em Salvador, foi preso nesta quinta-feira (12).

Segundo informações da Secretaria de segurança Pública (SSP-BA), uma equipe da Delegacia de Homicídios Múltiplos (DHM) cumpriu mandado de prisão contra o suspeito em Itapuã.

Ainda de acordo com a SSP-BA, familiares do suspeito levaram os policiais até ele, na localidade de Km 17, no bairro de Itapuã.

O titular da DHM, delegado Odair Carneiro, disse que o suspeito contou à polícia que ele confundiu as vítimas com membros de uma facção rival. “Ao perceber que se tratava de militares, ele e os comparsas resolveram agredi-los e atirar contra eles”, afirmou o delegado.

Além do suspeito preso nesta quinta-feira, outro envolvido no crime morreu em um confronto com policiais militares, no domingo, na região do Cabula. Ainda segundo a SSP-BA, um adolescente também é apontado como suspeito de participar da ação criminosa.

Soldado foi encontrado em lagoa na capital baiana após ser abordado por homens armados em Salvador — Foto: Raphael Marques/TV Bahia

Soldado foi encontrado em lagoa na capital baiana após ser abordado por homens armados em Salvador — Foto: Raphael Marques/TV Bahia

Fernando Guardiano, de 21 anos, estava com outro soldado do Exército, quando foram abordados por um grupo de homens armados, na madrugada de domingo. Os dois foram agredidos e forçados a entrar em uma lagoa da localidade, enquanto o grupo disparava tiros na direção deles.

O soldado que estava com Fernando, e que não teve nome divulgado, conseguiu fugir e chamou a polícia. Fernando não conseguiu sair da lagoa. O corpo dele foi encontrado na manhã de segunda-feira (9) pelo Corpo de Bombeiros.

Deixe uma resposta


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/brasilno/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757