Tricolor baiano deve ter mudanças em todos os setores diante do Ceará

Os sinais de desgaste físico no Bahia ficaram evidentes na derrota para o Santos por 2×0, principalmente no segundo tempo. Os zagueiros Tiago e Douglas Grolli tiveram até que ser substituídos com problemas musculares e dependem do resultado dos exames para saberem se estarão à disposição nesta quarta-feira (29), diante do Ceará, às 19h30, no Presidente Vargas, em Fortaleza.

Finalmente, o tricolor vai igualar a maioria das equipes em número de partidas no Brasileiro, já que este é o confronto que foi adiado pela 15ª rodada. Será mais um duelo em que o time carregará todo o fardo pelo tabu de ainda não ter vencido longe de Salvador. São seis derrotas e três empates até então. A campanha só não é pior que a do lanterna Paraná, que somou apenas um ponto fora.

Sob o comando de Enderson Moreira, o Bahia conquistou os únicos três empates como visitante na competição, mas também segue carregando marcas negativas, como a de sofrer gols em todas as partidas. Fora de casa, a equipe tomou 15 gols dos 26 que levou em toda a competição. Foram somente três gols marcados.

Ainda que não ache necessário mudar por opção técnica, Enderson será obrigado a fazer modificações na equipe titular. Além da dupla de zaga Tiago e Grolli dificilmente reunir condições de atuar, o comandante não poderá contar com o volante Elton, suspenso pelo terceiro amarelo.

Bruno, Lucas Fonseca e Gilberto, que foram poupados no último sábado, têm retorno quase garantido. O lateral, inclusive, falou sobre o cansaço pela sequência pesada que o time encara. “Esse desgaste é muito grande. O Bahia vem disputando grandes campeonatos, é jogo quarta e domingo… Não estamos tendo muito tempo para treinar, acertar, tá tudo na base da conversa. Acredito que tendo bons resultados, a gente possa ter mais tranquilidade para brigar sim por grandes coisas e levar esse grupo onde ele merece”.

Considerando esses retornos e a provável entrada de Flávio no lugar do suspenso Elton, já seriam quatro mudanças em relação ao jogo contra o Santos. Sendo alta também a possibilidade de Everson ser titular para formar dupla com Lucas Fonseca, em caso de Tiago e Grolli serem vetados. Eles sequer desceram para o campo no treino de ontem.

Vencer ou vencer
Enquanto o Bahia é o segundo pior visitante da Série A, o Ceará tem a pior campanha como mandante. Só venceu duas em 10 jogos, empatou cinco e perdeu três. Por isso, Bruno encara esse jogo como uma grande oportunidade para finalmente vencer a primeira fora de casa.

“É um jogo muito importante, a gente já tá mentalizando as dificuldades de jogar fora, mas vamos acertar junto com o professor, respeitando o adversário, para que possamos fazer um grande jogo. As duas equipes vão procurar os gols e temos que ser inteligentes para triunfar”, alertou Bruno, batendo na tecla que o tabu ainda não foi quebrado por “detalhes”.

“Precisamos lá fora, jogar do jeito que a gente demonstrou que podemos jogar, de igual para igual contra qualquer equipe. O Bahia é grande e vamos para conquistar esses pontos, somar para que possamos lutar por grandes coisas”, finalizou o lateral-direito, confiante.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: