Uma pessoa é presa por dia em Salvador pela Rondesp Atlântico

Uma pessoa é presa por dia em Salvador pelos policiais das Rondas Especiais (Rondesp) Atlântico. A unidade atua nos bairros próximos da orla da cidade e prenderam 441 suspeitos entre 25 de maio de 2017 e 25 de maio de 2018. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), neste domingo (3).

Entre os presos estão pessoas suspeitas de homicídios, tráfico de drogas e assaltos. Os militares da unidade conseguiram também apreender, com quadrilhas de traficantes, R$ 51 mil em espécie, 114 armas de fogo e explosivos.

Neste mesmo período, 69 adolescentes foram apreendidos. Os policiais atenderam 683 ocorrências em que drogas foram encontradas, e retiraram das ruas 114 armas de fogo, granada e explosivos.

Em nota divulgada pela SSP, o comandante de unidade, o major Edmundo Assemany, destacou a importância do planejamento das ações. Ele está à frente da Rondesp Atlântico há um ano.

“São 2 horas de conversa, todo dia, antes de sairmos para as ruas. Nesse momento revisamos doutrinas, debatemos ações anteriores e vamos aperfeiçoando o desempenho”, contou.

O major destacou ainda o total apoio do comandante do Policiamento na Risp Atlântico, coronel Francisco Kerjean. “Somos uma tropa com treinamento diferenciado, empregada em situações sensíveis e recebemos total apoio do comando de área”, finalizou.

Deixe uma resposta