Ministério da Saúde reabre inscrições do Concurso Público para cargos de nível superior

Candidatos que desejam participar devem ficar atentos a nova data anunciada pelo órgão.

O Ministério da Saúde comunica a todos que estão reabertas as inscrições do Concurso Público destinado a preencher 102 vagas em cargos de nível superior para exercício e lotação nos Distritos Sanitários Especiais Indígenas que compõem a Secretaria Especial de Saúde Indígena.

Para concorrer as vagas de Administrador (34), Analista Técnico de Políticas Sociais (34), e Contador (34), os profissionais devem se inscrever entre às 17h do dia 06 de janeiro de 2017, até às 17h do dia 10 de janeiro de 2017.

A ficha está disponível no site do Idecan www.idecan.org.br. Não se esqueça de pagar a taxa de participação por meio de GRU.

Os profissionais devem atuar em jornada de 40h semanais de trabalho, e vão receber salários variáveis de R$ 4.784,27 e R$ 5.744,88, acrescido ainda de auxílio alimentação no valor de R$ 458,00,

Vale ressaltar que as vagas estão distribuídas entre os municípios de Maceió – AL; Altamira – PA, Cruzeiro do Sul – AC, São Gabriel da Cachoeira – AM, Rio Branco – AC, Tabatinga – AM, Macapá – AP, São Félix do Araguaia – MT, Salvador – BA, Fortaleza – CE, Cuiabá – MT, Belém – PA, Florianópolis – SC, Colider – MT, Redenção – PA, Boa Vista – RR, Curitiba – PR, Manaus – AM, São Luiz – MA, Campo Grande – MS, Lábrea – AM, Tefé – AM, Governador Valadares – MG, Parintins – AM, Recife – PE, Porto Velho – RO, João Pessoa – PB, Itaituba – PA, Palmas – TO, Atalaia do Norte – AM, Cacoal – RO, Barra das Garças – MT, Canarana – MT, Boa Vista – RR.

O Concurso Público será realizado sob a responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional – IDECAN, e consistirá de provas objetivas de múltipla escolha e discursivas para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório; e avaliação de títulos somente para o cargo de Analista Técnico de Políticas Sociais, de caráter apenas classificatório.

As fases classificatórias serão realizadas nas 27 capitais da Federação, devendo o candidato optar pela cidade onde deseja realizar as provas no ato da inscrição.

Este certame tem validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período, contado a partir da data de homologação do resultado final, conforme especificam os editais em nosso site.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *