Vasco vence lanterna Paraná com gol de Pikachu e afasta a crise

Com um golaço do artilheiro Yago Pikachu, o Vasco venceu o Paraná por 1 a 0, nesta quarta-feira (30), em São Januário, e espantou a crise após a derrota para o Bahia por 3 a 0 no último domingo.

Com o resultado, o Vasco volta a vencer depois de três rodadas e se distancia da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, chegando aos 11 pontos. O time cruzmaltino agora vai embalado para o clássico com o Botafogo, neste sábado, novamente em casa.

Já o Paraná segue na lanterna e ainda sem ter vencido no Campeonato Brasileiro. São apenas três pontos em oito partidas. Na próxima rodada, a equipe de Rogério Micale encara o Fluminense na Vila Capanema.

O polivalente Yago Pikachu faz sua melhor temporada no Vasco. Com a série de desfalques da equipe, chamou a responsabilidade e não decepcionou. Criou oportunidades e fez um golaço, mantendo a artilharia do time em 2018.

O destaque negativo do time foi Caio Monteiro. O jovem atacante novamente não foi bem. Errou muitos passes e acabou irritando os torcedores presentes em São Januário.O Vasco entrou em campo bastante desfalcado mais uma vez. E as ausências fizeram com que o técnico Zé Ricardo improvisasse o zagueiro Luiz Gustavo na lateral direita. O jogador fez o feijão com arroz e se preocupou em não dar espaços na defesa no seu setor. No ataque foi tímido. No segundo tempo, quase entregou o ouro ao recuar uma bola para Fernando Miguel que Carlos Eduardo quase aproveitou.

O gol do Vasco aconteceu aos 43 minutos do primeiro tempo. O volante Andrey fez belo lançamento e deixou Yago Pikachu de frente para o goleiro. Ele deu um chapéu em Thiago Rodrigues e empurrou para o fundo da rede.Na etapa final, Riascos assustou logo aos 2min. Ele quis saber se o goleiro Thiago Rodrigues estava esperto e soltou uma bomba da intermediária. A bola passou com perigo.

O colombiano ainda proporcionou o lance mais bizarro da partida 15 minutos depois, quando partiu em disparada pela direita após linda finta de corpo e, na hora de cruzar, se atrapalhou todo, bateu com a bola nas duas pernas e caiu no chão de maneira patética. Em seguida, ficou deitado no gramado sentindo cãibras, mas voltou ao campo depois.

Mesmo sem contar com Martín Silva, servindo à seleção uruguaia, o Vasco apresentou outro bom goleiro. Fenando Miguel brilhou aos 24 minutos do segundo tempo quando, cara a cara com Léo Itaperuna, fez uma grande defesa, evitando o empate do Paraná.

O Vasco ainda teve a oportunidade de ampliar a vantagem. Aos 32 minutos, Andrés Rios sofreu pênalti. Na cobrança, Giovanni Augusto pediu a bola, mas bateu mal e perdeu.

Ao todo, o Vasco atuou com 14 desfalques. A lista conta os lesionados Rafael Galhardo, Thiago Galhardo, Kelvin, Bruno Silva, Rildo e Paulinho, os suspensos Wagner e Desábato, os afastados Wellington, Paulão, Evander e Gabriel Félix, além do selecionável Martín Silva, servindo à seleção uruguaia.

VASCO

Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Werley, Ricardo Graça, Henrique; Andrey, Bruno Cosendey (Giovanni Augusto), Yago Pikachu; Riascos (Ramon), Caio Monteiro (Moresche); Andrés Rios. T.: Zé Ricardo

PARANÁ

Thiago Rodrigues; Júnior, Neris, Cleber Reis, Mansur; Leandro Vilela, Torito González (Carlos Eduardo), Jhonny Lucas, Caio Henrique; Silvinho (Léo Itaperuna), Carlos. T.: Rogério Micale

Estádio: São Januário, no Rio de JaneiroJuiz: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Cartões amarelos: Henrique, Andrey, Ricardo (Vasco); Torito González, Jhonny Lucas (Paraná)

Cartões vermelhos: Neris (Paraná); Moresche (Vasco)

Gol: Yago Pikachu, aos 43min do primeiro tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *