Coronavírus: Prefeitura de Ilhéus amplia lista de serviços considerados essenciais na cidade

A prefeitura de Ilhéus, cidade do sul da Bahia, publicou decreto na segunda-feira (30), ampliando o rol de serviços considerados essenciais na cidade.

No dia 22 de março, a administração municipal, também através de decreto, determinou o fechamento do comércio, interditou praias e suspendeu transporte coletivo. Na prática, com o novo decreto, estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços que até então estavam proibidos de funcionar poderão abrir as portas.

Com a decisão, os seguintes serviços passam a ser considerados essenciais:

Lojas de materiais de construção
Lojas de produtos de limpeza
Lojas de insumos ou equipamentos para saúde
Lojas de insumos ou equipamentos agrícolas,
Oficinas
Borracharias
Lojas de autopeças
Clínicas veterinárias
Até então, eram considerados serviços essenciais ao município farmácias, lojas de alimentos em geral (hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, quitandas e centros de abastecimento de alimentos), lojas de venda de alimentação e remédios para animais, distribuidores de gás, lojas de venda de água mineral, padarias e postos de combustível.

Além disso, os restaurantes podem funcionar apenas com o serviço de delivery.

Os estabelecimentos que prestam serviços ou comercializam produtos considerados essenciais devem funcionar das 9h às 15h, com exceção das farmácias, que podem funcionar em horário diferenciado.

Segundo a prefeitura, todos os estabelecimentos devem adotar medidas de contingenciamento de pessoas no interior das unidades, a fim de evitar aglomerações. Além disso, é obrigatório que a empresa disponibilize máscaras e luvas para todos funcionários.

Até a manhã desta terça-feira (31), a Bahia havia registrado mais de 170 casos confirmados do coronavírus. Além disso, duas mortes foram registradas no estado em decorrência da doença.

Deixe uma resposta


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/brasilno/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757