Justiça determina que motorista pague indenização de R$ 100 mil à família de adolescente que morreu atropelada em Cuiabá

A juiza Sini Savana Bosse, da 9ª Vara Cível de Cuiabá, determinou indenização de R$ 100 mil e pensão por danos materiais à família da adolescente Kênnya Focarini, que morreu atropelada por um carro quando saía da escola em que estudava em Cuiabá. O caso aconteceu em 2012.

A estudante de 16 anos e um garoto de 13 anos foram atropelados em frente à Escola Estadual Pascoal Ramos, na capital. De acordo com testemunhas, a jovem chegou a ser arrastada por alguns metros pelo veículo.

O adolescente de 13 anos teve ferimentos leves, mas Kênnya teve hemorragia cerebral e não resistiu.

A família da adolescente pediu à Justiça a responsabilização do motorista Frank Rademak Almeida Silva, que fugiu do local do acidente sem prestar socorro às vítimas.

Ele foi preso minutos depois, ao bater o carro no muro de outra escola. Segundo o boletim de ocorrência, o motorista apresentava sinais de embriaguez. Além disso, ele não tinha licença para dirigir.

Motorista que atropelou adolescente foi detido depois de fugir e bater no muro de outra escola — Foto: Reprodução/TVCA

Motorista que atropelou adolescente foi detido depois de fugir e bater no muro de outra escola — Foto: Reprodução/TVCA

Deixe uma resposta


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/brasilno/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757