Mulheres do MST ocupam sede da Codevasf na BA para pedir cumprimento de acordo com assentamentos

Um grupo de mulheres do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocupou a sede da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), em Juazeiro, norte da Bahia, nesta segunda-feira (9).

As mulheres querem que a companhia, administrada pelo Governo Federal, cumpra o acordo que é negociado desde 2008, sobre o assentamento de 800 famílias que foram retiradas do perímetro irrigado salitre no fim do ano passado.

A Codevasf informou que, das 13 áreas que a companhia ficou de desapropriar para o assentamento das famílias, apenas três estão com pendências jurídicas. As outras 10 já foram desapropriadas e entregues ao município de Sobradinho e ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

A prefeitura de Sobradinho, no entanto, disse que não houve desapropriação de terras nos últimos sete anos. Com relação a isso, a Codevasf alegou que as desapropriações foram feitas em 2009 e 2012. A TV Bahia tentou contato com o Incra, mas não conseguiu falar.

Deixe uma resposta


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/brasilno/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757